SEMANA DA FAMÍLIA NA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO - CATEDRAL


Com a Santa Missa de Abertura presidida pela Padre Ademário Ledo, na catedral, no dia 27 agosto, deu-se início a Semana Nacional da Família na Paróquia de Livramento de Nossa Senhora, preparada pela Pastoral Familiar, abordando o Tema: Família, uma Luz para a Vida em Sociedade. Os casais, que participaram alegremente, puderam refletir que a alegria do Amor, proposta pelo Papa, é um remédio vigoroso para as famílias e para o mundo, acostumado a associar a família a "problemas", "crises", conflitos", "traição", e "abandono". Famílias não são problemas, disse o Papa, em sua viagem a Cuba (set/2015), "são a melhor herança que podemos deixar ao mundo!"

Com visitas àqueles impossibilitados de participarem da Celebração Eucarísticas, por motivo de doença, ou por ser idoso, a Pastoral  Familiar partilhou os subtemas propostos pelo livreto Hora da Família cada dia em uma família de diferentes comunidades da cidade. Todos se disponibilizaram a partilhar a Palavra, debatendo as dificuldades das famílias nos mais diversos segmentos atuais, bem como a busca de encontrar meios de melhorar o relacionamento e a educação dos filhos. Nos lares visitados todos se sentiram contentes com os encontros.

A Pastoral Familiar da Paróquia do Bom Jesus do Taquari se fez presente na Abertura e no Encerramento desse evento.

A Pastoral Familiar da Paróquia de Nossa Senhora do Livramento deseja ardentemente que esses encontros possam render frutos e que a Sagrada Família de Nazaré impulsione cada família a brilhar nesse mundo como missionária da evangelização, guardiã da fé e do amor.




O encerramento se deu com a celebração da Santa Missa, presidida por Dom Armando Bucciol, na catedral, às 19:30 h, com a benção a todos os presentes, sobretudo sobre os filhos e filhas. Destacamos a mensagem de que a família é um lugar privilegiado para aprendermos a conviver e harmonizar as diferenças. Cada um tem suas características, seus gostos, suas limitações, seus sonhos, sua maneira de pensar e de agir, o que faz com que cada um encontre a comunhão na diversidade, como na igreja.